quarta-feira, 29 de julho de 2009

A política me enoja!

Gente, é o de sempre e que sempre nos surpreende!!! Essa de empregar parentes até a oitava geração e além é prática desde (mais uma vez) sempre e a cara de pau destes políticos quererem justificar o abuso com suas razões torpes e desajustadas cansam (como diria meu pai) minha beleza.
Estou cansada de ver a educação andando de carroça, enquanto alguns levam uma vida nababesca e sultuosa como a desses marajás políticos (constroem até castelos) que não tem dó nem piedade de ver a população morrendo como moscas de fome, doenças, coisas que poderiam ser facilmente sanadas se houvesse seriedade na política brasileira.
Quando penso nisso (e é sempre) fico tão revoltada ao olhar essas crianças, tão inocentes de si e de seu destino, fadadas ao sofrimento, à marginalidade se tudo continuar como está e isso está faz tempo.
Meu grito hoje é de revolta, de angústia, de impotência, de olhar crianças, pensar crianças e chorar pelas crianças...

Nas letras da música

Nas letras das músicas *º ano A e B 2017 de Rosângela Ferreira Luz